Os lúcidos seguidores

20 de jun de 2011

Meus anjos



Meu demônio íntimo luta incansavelmente com meu anjo eu, minha cabeça na duvida do fogo ardente e dos prazeres sem fim ou da justiça cega e amarga, que me alimenta.

Nenhum comentário: