Os lúcidos seguidores

22 de ago de 2011

Menina Mulher



Você és uma flor que não desabrochou
Ainda é um botão, um grão
Uma menina sem vão
É jovem, é dama
Terás ainda a experiência da cama
Terá que amar
Aprender a se dar
Andarás muitos caminhos
Ainda vai receber muitos carinhos
Terá que evoluir
E mulher se formar
Lutar, criticar revolucionar
Ser mulher, e gosta do que é
Aprender a acolher os próximos
Farás tua família
Protegeras teu ninho
Morrerá por seus amados
Viverá por eles também
Mostrará suas idéias ao mundo
Um dia chegaras ao poço fundo
Mas de lá sairá, vais mostra sua força
Sua determinação de mulher
Mas isso tudo ainda vais ser
E acontecer
Por enquanto
Espera a hora
De ser mulher

Nenhum comentário: