Os lúcidos seguidores

5 de nov de 2011

Essa voz



Quando ouço a voz
Que ecoa em minha cabeça
Me pergunto, quem é?
Não reconheço o som
Nem o timbre e muito menos a
Melodia fora de ritmo
Me pergunto quem é?
Que ousa falar comigo
Usando a minha boca
Quem é você que reflete em meu espelho
Só vejo uma imagem pouca
Quem é que fala
De dentro pra fora
Quem é esse outro
Outro eu? Ou será eu mesmo?
Será que estou louco
Será minha consciência
Levemente conturbada
Sem a minima paciência
para com essa minha razão alterada
Ou simplesmente será
Minha voz cochichando
Para meu reflexo apático

Nenhum comentário: