Os lúcidos seguidores

12 de set de 2014

A propaganda te engana

      Hoje vou falar um pouco sobre como as propagandas são enganosas e também como as marcas te manipulam.


      Para começar a falar sobre o assunto, vou citar um exemplo clássico, que eu acredito que a maioria da pessoas já passou.
       

        Quando você vai ao shopping morrendo de fome e olha aqueles sanduíches lindos e maravilhosos, com aquelas camadas bem divididas e aquele pão super fofo, e acaba comprando baseado direta ou indiretamente naquilo que você vê e quando chega o produto, você se decepciona. Nesse momento você se dar conta de que o produto ofertado é bem diferente do produto final. Esse é só um exemplo clássico de como as propagandas nos enganam.

      Ainda falando sobre os sanduíches, o Mc Donald's fez um vídeo mostrando parte do processo para criar essas fotos e o motivo que tanto nos perturba, por que a foto é diferente do real?

        

     As empresas em geral querem vender suas qualidades, e por isso sempre enobrecem os seus produtos, exaltando muitas vezes de forma exacerbada aquilo que eles querem vender, dando uma ideia de perfeição, por isso muitas vezes nos decepcionamos.
        
         As cores

      Mas a manipulação na propaganda não se limita somente a isso, existem manipulações de forma inconsciente, como no caso das cores, é comum as empresas usarem de uma cor específica para conseguirem alguns objetivos.

      Dois exemplos de cores e a forma como interagem na publicidade:

     VERMELHO: Esta é a cor própria dos anúncios publicitários, transmite energia e vigor; também é a cor de todas as paixões, do amor ao ódio; é a cor dos reis e do socialismo, da alegria e do perigo; era usado pelos imperadores romanos e pode evocar a guerra e o mau. Assim, simboliza sensualidade, calor, agressividade, sangue, fogo, revolução, ação, paixão, força, desconfiança, destruição, crueldade e raiva. Aumenta a atenção, é estimulante, motivador. Indicado para uso em anúncios de artigos que indicam calor e energia, artigos técnicos e de ginástica.

     VIOLETA: Transmite calma, dignidade, estima, valor, roubo, afetividade, miséria, calma, poder sonífero.

     A ancoragem de preços

   Para uma empresa vender um produto novo no mercado, ela precisa provar o consumidor que aquele o valor daquele produto é algo aceitável. É nesse momento que a empresa cria uma ancoragem para consumidor, que nada mais é que uma referência de preço, para o cliente se basear e deduzir se aquele produto é caro ou não.


       Uma empresa cria três modelos de computador, o primeiro custa mil reais, o segundo custa dois mil e o terceiro custa quatro mil. Se você usa como referência o terceiro computador, você vai achar o segundo muito barato. E é em um conceito semelhante a esse que muitas empresas ou até mesmo um conjunto de empresas que ditam o mercado, criam preços ancoras para que você se baseie neles.
     
        Se você vê pela primeira vez um DVD por trezentos reais, você a partir daquele momento usará esse valor como referência, para todos os outros que você vê.


       O photoshop

      O photoshop é o clássico na propaganda, é nele que são feitas edições impressas. E nele também que são feitas algumas aberrações, quando se tenta modificar além da conta. Então por mais que você tente se maquiar, acredito que nunca ficará igual a foto da propaganda.



          Nesse site você vai encontrar erros grotesco, de fotos publicitárias, feitas no Photoshop:
http://www.psdisasters.com/

            Abaixo segue um vídeo do NERDOLOGIA, no qual eles explicam um pouco de como as marcas te manipulam.

        


Espero que tenham gostado, qualquer crítica nos comentários.

Nenhum comentário: