Os lúcidos seguidores

7 de jan de 2012

Amor que mata



Mulher teu amor é mortal
Tua ama e tu morre
Sentindo a dor, desse amor fatal
Tu goza, tu vive, tu falece
Mulher teu amor é veneno
Tu ama e tu morre
Teu amor ingênuo, rejeitado
Agora é ácido que corrói a alma
Mulher teu amor não tem o sabor
Daquele sentimento que faz viver
Mulher teu amor te mata
Pois teu amor, é rejeitado, esquecido
O teu amar, é apenas dor

Nenhum comentário: