Os lúcidos seguidores

10 de jan de 2012

Eu, a loucura e a moça


Oh moça respeite minha loucura
Essa minha cura desse meu ser
Se tu não é lucida o problema é teu
Mas me respeite apenas, por favor
Sou diferente e penso longe
Não vou contagiar ninguém
Pois a loucura é um dom, poucos a tem
Por isso moça trate de se virar
Pois minha loucura não te convém
Entenda por favor, não seja hipócrita
Se sou louco e feliz, pra quê mentiras
Não preciso de vocês, sei mentir sozinho
A minha loucura é inoportuna para quem não a tem
Apenas finja que eu sou mais um alguém
Mas deixe minha loucura
Pois ela é minha e de mais ninguém

Nenhum comentário: