Os lúcidos seguidores

22 de fev de 2012

A loucura da vontade



E se eu gritasse feito desesperado
Se eu dissesse tudo o que sinto
Beijasse todas as mulheres
Declamasse sem vergonha nenhuma
Poemas que escondo a sete chaves
Se eu dedurasse todos os corruptos
Ignorasse as consequências desse povo
Se eu falasse as palavras proibidas
Perdesse a vergonha de ser feliz
Fosse somente eu, apenas
Cantasse as músicas, no tom quem eu quiser
Se eu me julgasse, da forma mais sincera
Se eu fizesse tudo isso
Eu poderia me declarar louco?

Nenhum comentário: